Asas

Sacrifício é teu nome;
Amor que não existe igual…
Força e fé inabaláveis;
Dedicação sacerdotal

Alegria mesmo em meio a lágrimas
Sabedoria única, divina;
Trabalha incessantemente…
De todas as virtudes és vitrina

Torna-te de novo humana
Para notar a admiração que esbanjo
Pois, Mamãe, já não és mais gente…
– Há muito tempo que és um anjo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s